fbpx
MLS, NFL e NHL…what else?

MLS, NFL e NHL…what else?

Para quem é fã de esporte, uma viagem para os Estados Unidos é sempre a ocasião perfeita para ver o que se faz de melhor no mundo do esporte em termo de organização e divertimento.

Durante um final de semana, a Fanato mergulhou de vez neste mundo sensacional das grandes ligas esportivas norte-americanas. Siga a gente!

No sábado, após ter passeado pelas avenidas da tradicional Times Square e subido na Estátua da Liberdade, chegou a hora de se preparar para o primeiro dos nossos eventos, o jogo da liga de futebol ou “soccer”, a MLS, entre o New York Red Bull e o Toronto FC. A partida aconteceu às 19h no Red Bull Arena. Trinta minutos foram suficientes para chegar até o estádio moderno construído em 2010 na cidade de Harrison em New Jersey e dedicado exclusivamente ao futebol. Tivemos a oportunidade de nos divertir com as várias atividades organizadas antes do jogo na Fan Walk (avenida) que leva até a arena.

Dentro do estádio, no meio da torcida local, acompanhamos a entrada dos jogadores e os hinos que anunciaram o início do jogo. Thierry Henry e seus companheiros venceram o time canadense com pouca dificuldade por 3-1 e garantiram a vaga para os playoffs. A torcida local apoiou o time do começo até o fim com músicas dos quatros cantos do planeta inclusive uma adaptação do “decime qué si siente” argentino. Torcemos também com as bandeiras e tivemos direito até a uma “ola”.

Após as emoções do dia anterior, o domingo não ia nos decepcionar com dois jogos na programação. De manhã, fomos até o Met Life Stadium, palco do último SuperBowl para assistir o duelo entre o New York Jets e o Denver Broncos programado às 13h. Apesar de viver uma fase difícil, a torcida local vestida de verde marcou presença de forma massiva e não faltaram também torcedores vestidos de laranja em homenagem aos Broncos e seu astro, o quaterback Peyton Manning.

Ao redor do gigantesco estádio, o estacionamento se tornou o lugar predileto para o churrasco pré-jogo. Atividades são organizadas e oferecem a possibilidade de tirar fotos com ex-jogadores e assistir shows ao vivo. As torcidas se misturam sem nenhuma dificuldade neste dia ensolarado de jogo.

Uma vez na tribuna, assistimos a entrada explosiva do time de Nova York sob a vibração dos 80 mil torcedores e em presença das cheerleaders. Em campo, apesar dos gritos “J-E-T-S, Jets, Jets, Jets!” dos fãs, os Jets não mostraram muita resistência e os Broncos confirmaram o bom inicio de temporada com uma vitória por 31-17.

O jogo terminado, voltamos para Manhattan, onde nos esperava mais um grande momento: o jogo de NHL entre o atual vice-campeão, o New York Rangers, e os canadenses do Toronto Maple Leafs no mítico Madison Square Garden. Parte da avenida foi fechada para receber a Rangerstown e suas atrações oferecidas à torcida dos Rangers, os “Blue Shirts”. Show ao vivo, entrevista gravada como se estivesse na televisão, encontro com lendas do esporte e tentativa de disparar um tiro agitam as proximidades da arena.

Nesta noite de gala, os telões da arena passam um filme emocionante lembrando as façanhas do time que chegou até a final no ano passado. Entre os 18 mil espectadores, famosos como o ator Tom Hanks marcaram presença. Os Rangers acabaram sendo derrotados por 3-6, mas ainda tem muitos jogos pela frente nesta temporada.

Assim terminou o nosso final de semana 100% esporte em Nova York e voltamos com muitas lembranças desta viagem já pensando em uma próxima. Quem sabe da próxima vez assistiremos basquete e beisebol, os outros esportes favoritos dos norte-americanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *